• nathaliepoppy

Blog: essencial para SEO

O Blog é uma das principais ferramentas do Marketing Digital. Afinal, quando bem feito, os seus artigos podem ajudar a empresa a ganhar autoridade, consciência de marca, aparecer no topo dos buscadores e vender mais. Só sucesso, né? Quer saber mais? Continue lendo este post!

O Blog e os mecanismos de busca

A cada segundo, milhares de buscas são feitas nos buscadores online. De acordo com o Internet Live Stats, atualmente o Google processa mais de 3,5 bilhões de pesquisas por dia, totalizando 1,2 trilhão de pesquisas por ano no mundo inteiro.


Para organizar esse emaranhado de informações, o buscador ordena os conteúdos em um ranking que oferece as melhores respostas nas primeiras posições. Segundo uma pesquisa realizada pelo Hubspot, os brasileiros confiam tanto nessa classificação, que mais da metade dos respondentes confirmaram acreditar mais em informações do Google no que escutam de amigos e parentes.


Uma prova disso, é que de acordo com dados da Digital Information World, enquanto o primeiro link orgânico recebe 28.5 % dos cliques, a segunda atinge 15,7% e a terceira apenas 11.0%. Veja no gráfico a seguir:

Fonte: Digital Information World


Nesse cenário, o SEO se torna de extrema importância, pois não vale a pena escrever conteúdos se ninguém irá lê-los.


O que é SEO?

SEO (Search Engine Optimization) nada mais é do que um conjunto de estratégias de otimização de sites, blogs e páginas na web que tem como objetivo melhorar o seu posicionamento nos resultados orgânicos dos buscadores.


Além de melhorar a visibilidade do blog, o SEO é super importante para que o Google reconheça o seu site como um recurso valioso para o usuário e a área em que está inserido. Quando comprovado a sua importância, ele começará a classificar todas as demais páginas de produtos e serviços do seu site, aumentando o lucro da empresa.


Embora cada empresa demande uma estratégia de SEO diferente, de acordo com os seus valores e objetivos, separamos 7 dicas incríveis de como alinhar essa estratégia ao seu blog:


Palavras-chaves: As palavras-chaves são um dos principais pontos analisados pelo algoritmo do Google para entender o tema do conteúdo e indicá-lo aos usuários apropriados. Portanto, elas não podem ficar de fora da sua estratégia de SEO!


Além de levar em conta o volume de busca para determinado termo, é preciso analisar a dificuldade de rankeamento, a etapa do funil que a palavra-chave representa e definir a persona. Com este personagem semi-fictício, será possível selecionar os tópicos que causam mais interesse em seu público alvo e criar as palavras-chave que melhor se encaixam naquilo que deseja.


Imagens: Incluir imagens ou ilustrações tornam os conteúdos mais agradáveis e fáceis de compreender, podendo reter mais visitantes na página. Desde que elas estejam otimizadas para o SEO, os consumidores também poderão realizar pesquisas a partir das imagens, encontrando os produtos que desejam com mais facilidade. Algumas das ferramentas mais utilizadas são Google Lens e Pinterest Lens.


Para ter um bom rankeamento de imagem no Google, é necessário otimizar o alt text, ou seja, a breve descrição encontrada na figura e utilizar a palavra-chave. No entanto, é preciso utilizar imagens leves. Caso contrário, ela afetará o tempo de carregamento da página, resultando em saídas. Afinal, ninguém gosta de sites lentos, né?

Escreva conteúdos relevantes: Embora o algoritmo do Google passe por diversas mudanças ao longo do tempo a fim de melhorar o seu sistema, um dos critérios nunca muda: a relevância e a qualidade dos conteúdos. Isso mesmo, mais do que escrever, é preciso escrever bem e gerar interesse no público!


Portanto, se você quer mostrar para o Google que o seu conteúdo é relevante, você precisa utilizar uma estrutura que facilite a experiência do público, gerando mais interação. Para isso, a técnica de pirâmide invertida é essencial, pois organiza o conteúdo do mais relevante para o menos importante. Elementos visuais como imagens e gráficos também deixarão a leitura mais leve e divertida.


Utilize Link Building: Se você quer melhorar o alcance do seu site, o Link Building não pode faltar! Afinal, ele torna possível que outros domínios incluam em seus artigos links, direcionando o leitor a sua página. Essa estratégia pode ser feita de modo orgânico ou a partir de parcerias com empresas do mesmo segmento.

Meta-descrição chamativa: A meta-descrição nada mais é que aquele pequeno texto localizado abaixo do título e da URL das páginas indexadas pelo Google. Além de informar o consumidor sobre o assunto a ser tratado, ela ajuda o algoritmo a entender a relevância do assunto. Desse modo, sempre que possível coloque palavras-chaves na sua meta-descrição e deixe-a chamativa, informando o assunto principal com poucas palavras.


Coloque a Localização: Embora pareça algo simples, ativar a localização pode atrair muitos clientes ao seu negócio. Isso acontece porque o SEO usa a localização dos usuários para recomendar empresas próximas a eles. Além disso, com a localização ativada, o seu negócio poderá aparecer no Google Maps, o tornando visível para as pessoas que utilizam o aplicativo para encontrar lugares confiáveis.

Heading Tags: As Heading Tags servem para organizar o texto de forma hierárquica por meio de divisões conhecidas como “h1”, “h2”, “h3””.. e por aí vai. Elas funcionam como título, subtítulo e subtítulo do subtítulo, devendo conter palavras-chaves para serem notadas pelo Google.


Como montar uma estratégia de SEO?

O primeiro passo de tudo é o planejamento. Portanto, se pergunte: “Quais resultados quero alcançar com o SEO? Como desejo chegar lá? Quais recursos já tenho?... as questões são diversas! Apenas após responder a algumas perguntas básicas será possível começar a montar uma estratégia de SEO.


Após a definição dos objetivos, é hora de montar a persona, ou seja, aquele personagem semi fictício que representa o cliente ideal da empresa. Lembre-se que ele possui dores, desejos e necessidades reais, por isso deve ser muito bem construído a partir de pesquisas e dados.


Além disso, contar com ferramentas básicas de SEO, como Google Analytics e Google Search Console, será essencial para traçar um diagnóstico da situação, fundamentar o planejamento, iniciar as otimizações e acompanhar os impactos de cada ação, melhorando o blog de acordo com as respostas.


Acompanhar notícias e tendências para a produção de conteúdo e criar textos que poderiam se encaixar na posição 0 do Google - posição de destaque que aparece antes de todos os resultados da pesquisa orgânica - também são essenciais na estratégia de SEO, assim como produzir conteúdo escalável e multimídia.


Contudo, como já falamos, cada negócio é único e por isso precisa de estratégias personalizadas com aquilo que deseja. Ainda está em dúvida? Leia mais sobre Como escrever um texto de blog e SEO X SEM.


37 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo